Se estamos prontos? Não sei!

Será que estamos realmente prontos para ver nossos filhos crescerem?
Quando nasce uma criança, nasce também uma alegria de viver intensamente, nasce junto um sentimento infinito de amor e cuidado, nascem duvidas, medos e inseguranças, mas acima de tudo nascem naquele momento um Pai e uma Mãe!
Quando um filho nasce, começamos a nos despedir dele no mesmo instante… pouco a pouco… dia após dia!
Verdadeiro e mais puro fruto de amor, sangue de nosso sangue, sonho de nossos sonhos.
“Ele nos enche de beijos e sorrisos e nós o protegemos a cada minuto.
Ele nos dá amor eterno e nós damos asas para que ele possa voar para a vida.
Ele nos pede colo e nós desejamos a cada dia sua felicidade.
Ele nos conta histórias sobre super-heróis e monstros e nós ensinamos gentilezas.
Ele deu cor a nossa vida!”
E ai os anos passam e eles crescem. Viramos então seus condutores para a independência.
Irão começar a dispensar nosso colo, deixar de lado velhos brinquedos e manias e ficarão mais independentes.
Seremos muitas vezes motivos de vergonha quando eles encontrarem amigos que naquele momento serão mais importantes que nós.
Vai doer! Com certeza vai doer!
Beijos e abraços… Será considerado um enorme mico!
Enfim vai bater aquela saudade de quando eram pequenos e cabiam em nosso colo.
Com certeza meus pais passaram por isso e eu vou passar também.
O jeito é aproveitar cada momento, cada sorriso, cada gesto doce.
E jamais esquecer que criamos nossos filhos para o mundo. É nossa obrigação plantarmos a semente do bem, da generosidade e do amor!
Eu não estou pronta para pensar em vê-lo partir!

neia3
Lidiane Recco 😉

Sobre Estalos da Vida

...Se você prestar atenção irá perceber que na balança da vida o pratinho que mais tem peso é aquele que a gente coloca as realidades positivas, que podem ser um e-mail, um telefonema, uma mensagem, a voz do vento ou até mesmo o barulho da chuva, um abraço apertado, aquele beijo de saudade, uma bela gargalhada ou aquela mão pegando a nossa com todo carinho... ;)
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Se estamos prontos? Não sei!

  1. Arlete disse:

    Quando eles batem asas e voam a dor é muito grande,um sentimento indescritivel.To passando por ele.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s